Joana Darc Deputada Estadual

Joana Darc (PR) apoia famílias atingidas pelo incêndio no Educandos

Joana Darc (PR) apoia famílias atingidas pelo incêndio no Educandos

07/02/2019 - Autor: joana-darc

Ao lado das vítimas desde o sinistro, Joana participará de reunião, para pedir que Estado e Prefeitura acelerem as ações de ajuda

A deputada Joana Darc Protetora dos Animais (PR), se solidarizou e enfatizou o compromisso na continuidade do auxílio às famílias e animais, acometidos pelo incêndio de grandes proporções que atingiu centenas de casas no bairro Educandos, Zona Sul de Manaus, em dezembro de 2018.

Em reunião com representantes das vítimas, na manhã desta quarta-feira (7) na Assembleia Legislativa do Amazonas (ALE-AM), a parlamentar lamentou que as famílias ainda estejam sofrendo pela demora na liberação de seus novos documentos, o que tem dificultado o acesso à benéficos e direitos.

“Como ativista, passei quatro dias dentro da comunidade auxiliando as pessoas e os animais. Uma cena desoladora, por isso, até hoje acompanho vários casos, e me coloco mais uma vez à disposição para ajudar”, destacou Joana.

Reunião na Comunidade

Presidente da Comissão de Meio Ambiente, Proteção aos Animais e Desenvolvimento Sustentável, e membro da Comissão da Mulher na Assembleia Legislativa, Joana, irá convidar órgãos municipais e estaduais para, em reunião com os moradores da comunidade, apontar ações que agilizem e zerem as necessidades básicas das famílias vítimadas.

Deputada Joana Darc(PR) reunida com colegas parlamentares e representantes

O encontro acontecerá na próxima segunda-feira (11), às 19h na quadra da Paróquia de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, localizada no bairro Educandos.

De acordo com a assistente social e membro da Pastoral da Criança, Sheila Viana, famílias estão sendo pressionadas a deixarem o abrigo provisório em que estão instaladas, mesmo não tendo encontrado aluguel na faixa de valor disponibilizado pelo aluguel social, pago pela prefeitura que é de R$ 300.

“Fora o sofrimento, existe agora o constrangimento. Encontrar quartos ou mesmo casa para alugar nesse valor, é um desafio. Nem todos estão conseguindo”, explicou Sheila.

Outra dificuldade vivida pelas famílias, é a demora na liberação de documentos. Segundo a Assistente Social, boa parte das pessoas possuíam documentos expedidos no interior do Estado, estando sem condições financeiras para irem até as localidades e expedir novas vias.

“Temos crianças fora da escola pela falta da Certidão de Nascimento. Alguns pais e mães, não conseguem se quer emprego”, lamentou.

Loteamento urbanizado

Sem condições financeiras para adquirir novos lares, os moradores atingidos pelo incêndio, que foi considerado o maior sinistro ocorrido em Manaus, pedem que Estado e Prefeitura trabalhem na construção de um loteamento urbanizado, onde possam reconstruir suas vidas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

×

Olá!

Escolha qual área deseja atendimento e fale agora mesmo conosco!

× Como posso te ajudar?